terça-feira, 5 de maio de 2015

Retorno

Queridos Seguidores,
Fiquei afastada por um longo período nas atividades com o Blog, mas estou retornando com grandes novidades!!!!
Um grande abraço a todos.....e aguardem novas publicações.

segunda-feira, 15 de novembro de 2010

Postura Correta para Dirigir:

Para você manter uma boa postura, nunca dirigir com os braços e pernas esticados. Eles devem estar ligeiramente dobrados para evitar tensões, também é muito importante que você mantenha o corpo bem apoiado ao assento e no encosto do braço, e não se esqueça de ajustar o encosto da cabeça de acordo com a sua altura. O ideal é que ele fique em uma altura equivalente à de seus olhos. Deve lembrar sempre que calcanhares devem permanecer apoiados no assoalho e os pés não devem descansar encostados nos pedais, que só devem ser tocados ao serem utilizados. Se você precisa viajar grandes distâncias, pare o carro a cada 2 horas e faça pequenas caminhadas.

quarta-feira, 16 de junho de 2010

Posturas da RPG:

Abaixo segue as posturas da Reeducação Postural Global (RPG):
Rã no ar braços fechados

Sentada


Rã no ar braços abertos


Rã no chão braços abertos


Rã no chão braços fechados

De pé no centro

Bailarina




De pé contra a parede

Dicas de Posturas:




















sexta-feira, 5 de março de 2010

Prevenção no trabalho:

Esses exercícios devem ser executados durante as pausas no trabalho, que devem ocorrer a cada 50 minutos trabalhados, lentamente, de forma a não sentir dor, respirando calma e regularmente durante os exercícios. No caso de sentir formigamento, fraqueza, casaço ou desconforto deve-se procurar um profissional para melhor avaliação.

Alguns exercícios de alongamento:

Exercícios para LER e DORT:


terça-feira, 2 de março de 2010

Mochilas Escolares:


As aulas estão de volta e em meio à empolgação com os novos livros e cadernos, as crianças pedem também novas mochilas.
Práticas, coloridas, com estampas de personagens de desenho animado ou do filme da moda... Os pais nem questionam a vontade dos filhos, mas o perigo espreita: pesquisas mostram que este acessório pode acarretar problemas variados à coluna e à postura de todos os jovens em idade escolar.
Descubra o que você pode fazer para evitar que seus filhos sofram, agora e no futuro.

Uma dor que pode ser evitada:

A Organização Mundial da Saúde (OMS) estima que, nos próximos anos, 85% da população sofrerá dores lombares devido, entre outros fatores, à má postura e a mochilas pesadas.As mochilas não são as vilãs, mas sim o excesso de peso que permite à criança carregar. Estudos apontam que a criança não deve carregar, em média, mais de 10% do seu peso corporal. Má postura, problemas de locomoção e dorse são os perigos ao se exceder esse limite.

Prevenção em casa e na escola:
A recomendação aos pais é para estarem bastante atentos ao modo como seus filhos usam a mochila. Comprar o equipamento adequado é o primeiro passo, mas é preciso também orientar as crianças sobre a forma certa de usá-lo.
As escolas também podem adotar algumas medidas para evitar problemas, como disponibilizar armários para os estudantes guardarem o material mais pesado, sem ter de levá-lo diariamente para casa. Parte de livros e apostilas poderiam ser substituída por CDs interativos; os conteúdos das aulas podem ser colocados em rede ou site da escola, acessível aos alunos.

A mochila ideal:
Disponível em diversos tamanhos e modelos, as mochilas devem ser anatomicamente adequadas aos estudantes.
É importante escolher um modelo confortável. Se a criança quiser, pode ir junto comprar a mochila, para experimentar diversos modelos. Mas, além das cores e estampas de seus heróis favoritos, leve em conta outros aspectos no momento da compra:
  • Escolha uma mochila live: vazia, não deve pesar mais de meio quilo.

  • Escolha mochilas com duas tiras, pois as de tira única para o ombro não distribuem o peso uniformemente.

  • Observe se as alças são acolchoadas, reguláveis e com uma largura mínima de quatro centímetros na altura dos ombros. Tiras estreitas causam compressão nos ombros, podendo causar dor e restringir a ciculação.

  • Prefira as de estruturas rígidas e acolchoadas nas costas - o forro acolchoado ajuda a evitar ferimentos com objetos pontiagudos.

  • Verifique se há cinto regulável na altura da barriga, para evitar que a mochila balance e ajuda a repartir o peso entre os ombros e a zona lombar.

  • Confira se a alça de mão é acolchoada, com no mínimo oito centímetros de comprimento.

  • Verifique a quantidade de bolsos nas mochilas: quanto mais espaçado o material, melhor a distribuição de peso, diminuindo os danos à região da coluna.
Dicas para aliviar o peso:
  • Organize o material escolar de seu filho. Coloque as coisas mais pesadas no fundo e junto às costas da criança, ou seja, na parte de trás da mochila.
  • Disponha os livros e outros materiais de uma maneira que não fiquem soltos lá dentro, provocando movimentos de desequilíbrio.
  • Olhe o que seu filho leva para a escola e certifique-se de que é o material necessário para as atividades rotineiras, mas nada de supérfluos.
  • Nas mochilas com rodas é preciso cuidado com a alça do carrinho, que deve estar a uma altura apropriada. As costas da criança devem estar retas ao puxá-la.
Para evitar lesões:
A Sociedade Brasileira de Ortopedia e Traumatologia, que participa da campanha em prol da saúde das crianças junto com a PROTESTE, oferece algumas dicas para garantir a saúde das costas, com o uso de mochilas:
  • Utilizar sempre ambas as tiras nos ombros. A posição incorreta pode provocar uma alteração postural chamada escoliose (desvio lateral da coluna).
  • Tensionar as tiras para que a mochila fique bem junto ao corpo e aproximadamente a cinco cm acima da linha da cintura.

  • Utilizar todos os compartimentos de modo que os objetos mais pesados fiquem no centro da mochila e mais próximo das costas.

  • Dobrar os joelhos ao se abaixar. Não se incline dobrando as costas, sobretudo se a mochila estiver muito pesada.
Como os pais podem ajudar:
Estimule seu filho a lhe informar se tiver dor ou desconforto ao usar a mochila. Não ignore dor nas costas em crianças ou adolescentes.
Converse com os professores sobre a possibilidade de aliviar o peso da mochila. Associe-se a outros pais para obter mudanças.